Pipoca Caramelizada

Bem docinha, melequenta e deliciosa para os formigas de plantão ❤


Rendimento: 04 porções
Tempo estimado: 45 min

Ingredientes:

  • Um fio de óleo vegetal
  • 1/4 xícara de milho para pipoca
  • 80 g de açúcar mascavo
  • 75 g de mel
  • 25 g de manteiga em temperatura ambiente
  • 01 pitadinha de sal

Preparo:

  1. Em uma panela, colocar um fio de óleo e os milhos para pipoca. Ligar o fogo e deixar estourar, obtendo um monte de pipocas lindas. Transferir as pipocas para uma tigela e reservar para daqui a pouco.
  2. Em uma panela, colocar o açúcar mascavo e o mel. Misturar os dois e levar ao fogo para que derretam juntos.
  3. Assim que formarem uma mistura homogênea, retirar a panela do fogo e adicionar a manteiga e a pitada de sal. Misturar tudo muito bem para uniformizar.
  4. Levar a panela de volta ao fogo médio sem mexer até obter um caramelo [se tiver termômetro de açúcar em casa, isso geralmente ocorre a 105ºC]. Desligar o fogo.
  5. Jogar o caramelo sobre a pipoca na tigela e usar uma espátula para ajudar a espalhar. [Aqui vale um esclarecimento importante: como a calda é muito doce, fizemos mais pipoca que calda, então, cada pipoca ficará com um pouco de caramelo e não completamente envolvida, ok? É só pra dar um gostinho mesmo como na foto].
  6. Transferir a pipoca caramelizada da tigela para uma assadeira coberta com papel manteiga e usando a espátula espalhar bem.
  7. Deixar esfriar por +/- 20 min e separar as pipocas com cobertura para servir [caso vá comer sozinho mesmo e prefira deliciosos blocos de pipoca doce, não precisa separar nada rs]. 
  8. PRONTINHOOOOOO! ❤

A gente nunca tinha feito pipoca doce por aqui e os olhinhos brilharam ao ver essa ideia no livro da Raiza Costa. Enquanto estávamos separando os ingredientes pra fazer essas belezuras (o famoso mise-en-place), olhamos pra mesa e achamos que tinha açúcar, mel e manteiga demais (era o dobro da medida que pusemos acima) e decidimos cortar a proporção da calda pela metade. Com tudo pronto, ainda bem que fizemos isso, porque a calda é realmente MUITO DOCE como suspeitamos e, no fim, as pipoquinhas levemente encobertas foram a medida ideal para o nosso paladar 😉

Se gostar da ideia, compartilhe por aí e conta pra gente o que achou aqui nos comentários! E se fizer, mostre pra gente postando a foto nos comentários do post na página ou marcando no insta a hashtag #cozinhaparamortais 😉

Créditos: Receita – Adaptação do livro “Confeitaria Escalafobética” de Raiza Costa / Foto – Cozinha para Mortais

196_Pipoca_Caramelizada_1

 

Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. Uau… infância revisitada!!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que bom que gostou 🙂 teve mesmo bastante gosto de infância ❤

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s